• Início

PS chumbou as propostas do PCP

pcp-logotipoNo quadro da discussão do Orçamento do Estado para 2008, o PCP apresentou um conjunto de propostas de reforço de verbas para as Comunidades portuguesas. Propostas   que decorrem da importância que a diáspora portuguesa representa para o país e para fazer face às necessidades sentidas pelos portugueses que vivem lá fora . O PS chumbou todas as propostas.

Ler mais

ImprimirEmail

Nova política para as Comunidades portuguesas

20071125_rogerio_feitor_suicaA culminar um intenso trabalho de preparação ao longo deste ano, realizou-se nos dias 24 e 25 de Novembro a Conferência Nacional do PCP sobre as questões económicas e sociais. As organizações do PCP na Emigração desempenharam um papel activo, promovendo reuniões para debater as diversas problemáticas e na eleição dos delegados à Conferência. Rogério Feitor, delegado da Suíça, subiu à tribuna para divulgar um conjunto de dados sobre a importância da Emigração para Portugal e denunciar a política de direita do PS para as Comunidades portuguesas.

Mais informações sobre a Conferência.

No dia 3 de Novembro realizou-se em Lisboa o Encontro do PCP sobre o Impacto das Migrações em Portugal - Emigração/imigração. Uma iniciativa no quadro da preparação da Confência Nacional que contou a participação de Jerónimo de Sousa, Secretário geral do PCP que fez a intervenção de encerramento deste Encontro no qual foi aprovada uma Resolução política. 

ImprimirEmail

Medidas de informação e esclarecimento a trabalhadores temporários

parlamento_euO deputado do PCP no Parlamento Europeu, Pedro Guerreiro, pede esclarecimentos à Comissão da UE.

Com efeito, no Orçamento comunitário para 2007 foi inscrita a possibilidade de financiar  medidas de informação e de esclarecimento para trabalhadores sazonais ou para trabalhadores com contratos de curta duração que exerçam a sua actividade num Estado-Membro diferente do seu Estado-Membro de origem. O deputado comunista considera que estas são "medidas importantes para evitar as situações de exploração a que os trabalhadores se vêm sujeitos, como por exemplo os muitos trabalhadores portugueses que trabalham na Holanda".

Assim, Pedro Guerreiro pede à Comissãoque o informar sobre: "Se esta oportunidade foi usada por parte dos Estados-Membros", bem como, "quais os projectos financiados, seus objectivos e que montantes".

ImprimirEmail

Mais artigos...